• Ana Victória Favoreto

Você conhece o círculo cromático?

Estudos indicam que uma paleta de cores bem pensada tem grande poder de influência no comportamento humano e pode, inclusive, tornar um produto muito mais atraente aos olhos do consumidor. Esse é um recurso muito utilizado pela indústria, que explora as cores como elemento visual de destaque para construção e divulgação de seus produtos.


Assim, a cor deve ser pensada em cada aspecto de uma marca ou propaganda, sendo um dos aspectos mais importantes que oferece à marca uma personalidade marcante. Já falamos da importância de conhecer sobre a Psicologia das Cores, mas para dominar esse recurso clássico do marketing, outro elemento essencial precisa ser trabalhado em conjunto: o Círculo Cromático.



Entendendo o Círculo Cromático


Fonte: followthecolours.com.br


Formado por 12 cores, o círculo cromático é composto por 3 categorias: 3 cores primárias (as cores puras: amarelo, vermelho e azul), 3 secundárias (mistura de duas cores primárias) e 6 terciárias (mistura de cores secundárias com cores primárias). Como podemos perceber, a partir das primárias, todas as outras cores serão formadas.


Além disso, as cores quentes (mais puxadas para o vermelho) são separadas das frias (mais puxadas para o azul) em lados opostos da circunferência.



A Teoria das Cores é um estudo baseado nesse círculo que explica como é possível combiná-las de acordo com suas matrizes (aquelas características das cores que as diferenciam das outras). Essas combinações, além de gerar contraste ou similaridade, são capazes de trazer muitas sensações diferentes.


Por isso, é preciso ter em mente alguns conceitos:


Combinações Complementares


As cores complementares são matrizes que estão em lados opostos do círculo cromático. Suas combinações conseguem garantir um efeito energético através do contraste entre tons quentes e frios.


fonte: design.tutsplus.com


fonte: pinterest




Combinações análogas


Aqui, você pode combinar de 2 até 5 cores que estejam adjacentes, ou seja, próximas umas das outras. Essa harmonização transmite calma e simpatia.


fonte: design.tutsplus.com


fonte: pinterest


A Tríade


A combinação de três cores equidistantes umas das outras dentro do círculo conceitua a tríade: uma associação de alto contraste, mas que traz harmonia e cria uma sensação vibrante.


fonte: design.tutsplus.com


fonte:rosesaregreen


Combinações de quatro cores


Nesse caso, são associadas quatro cores que fazem um ângulo de 90º entre si, formando um retângulo. Como se tratam de cores complementares, essa combinação também é forte e vibrante.


fonte: design.tutsplus.com


fonte: obrah.com.br


Combinações em fenda


Para formar a fenda, uma cor primária e duas cores complementares (que se encontram diametralmente opostos à cor primária) são escolhidas, criando um contraste menos intenso.


fonte: followthecolours.com.br


Combinações em quadrado


Essa associação une 4 cores equidistantes umas das outras, com tons diferentes, porém complementares. Traz dinamismo, vividez e diversão à composição.


fonte: settingforfour.com


Se interessou pelo círculo cromático e quer saber como criar paletas de cores incríveis? Felizmente, algumas ferramentas deixam essa tarefa cada dia mais fácil:


Pantone: além de ser a principal empresa de cores do mundo, sendo muito utilizado na indústria gráfica, o site da companhia apresenta uma função que te ajuda a encontrar o tom Pantone perfeito para a situação.





Adobe Color: além de te ajudar a montar paletas de cores, esse site também extrai as principais cores que compõem alguma imagem inspiradora.



Depois de tantas combinações apresentadas, esperamos que você tenha aprendido como utilizar o círculo cromático para, aliado à Psicologia das Cores, trabalhar tonalidades e suas combinações da melhor maneira em seus projetos e se destacar cada vez mais aos olhos dos consumidores!








Copyright © 2019 Criative Jr. Todos os direitos reservados.